terça-feira, dezembro 20, 2011

É só Promessas?




Concordo que há muitos interesses nos dois lados dessa história, que o gospel será apenas mais um produto das organizações Globo, e que os cantores estão mais interessados em aumentar suas receitas, mas será que não pode ser visto com um começo? Ou será um fiasco como o Santos contra o Barcelona? Eu ainda não tenho essa resposta, mas acredito que só o tempo dirá.
Mas quero deixar um questionamento: quantos não buscam uma igreja, ou melhor, o Senhor Jesus por algum interesse pessoal (cura, direção, respostas, libertação, auxilio, luz, amor, salvação), mas em algum momento da vida se dá conta que não pode ficar sem o que reino tem para oferecer. Oremos para que com essa abertura, a visão que a Globo tem de nós, crentes, seja modificada e passemos a ser compreendidos e respeitados.
Mas uma coisa temos que reconhecer: foi lindo ver o nome de Jesus ser exaltado na telinha e ter a certeza que a mensagem foi levada em vários confins de nossa nação, onde só o sinal de TV é capaz de chegar...

2 comentários:

Lívia Ellen disse...

ÓTIMO POST!

Lívia Ellen disse...

ÓTIMO POST!